Domingo, 20 de Novembro de 2011

Incerteza

 

Simbolizas o Mundo

  E a salvação desse mundo

  Ou és apenas um sonho?

 

No caminho incerto

  Sei que aceitas as dúvidas

  E dás as certezas...

 

Mas eu procuro a Paz

Num mundo em convulsão!...

 

Maria Luísa Adães

 

 

Albino Santos

publicado por M.Luísa Adães às 12:10
link do post | favorito
|
De poetazarolho a 21 de Novembro de 2011 às 23:03
“Reflectidos”

O espelho apenas reflecte
Não erra porque não pensa
Assim não se compromete
Nem espera recompensa

Há espelhos inteligentes
Querem ser recompensados
Por serem espelhos diferentes
Reflectem só os iluminados

Eram os espelhos reais
Que reflectiam Sua Alteza
Nos tempos da monarquia

Agora há espelhos demais
E pr’a justificar a despesa
Reflectem toda a hierarquia.

Prof Eta
De poetaporkedeusker a 22 de Novembro de 2011 às 14:23
AO POVO ESPANHOL

Dizem que será a Espanha
A ter de mirar-se ao espelho
E eu sei que pouco se ganha
Neste ritual tão velho...

Que estranha tendência esta...
São saudades do franquismo
Ou pensam fazer a festa
Vergando ao capitalismo?

"Qué os pasa hermanos míos?"
Muitos de vós bem sabeis
Que o espelho devolverá

Mil imagens de outros fios,
Ou até de outros cordéis,
Mas não vos reflectirá!
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


relojes web gratis

Familia Maldonado /Brasão

24. Setembro .2001