Domingo, 1 de Maio de 2011

João Paulo II / Beatificação

 
 
 
 
 
Karol Joséf Wojtyla, nasceu a 18 de Maio de 1920 na Polónia.
 
Foi eleito Papa a 16 de Outubro de 1978,
 
 
Fim do Pontificado em 2 de Abril de 2005 (26 anos)
 
Morte a 2 de Abril de 2005 (84 anos).
 
Beatificação a 1 de Maio de 2011.
 
 
João Paulo II se colocou ao lado da Paz e da Concórdia Internacional,
 
Condenou o terrorismo, o ataque ao World Trade Center,
em 11 de Setembbro de 2001, nos Estados Unidos da América.
 
Aproximou as Religiões e os Povos,
 
Visitou Cuba em Janeiro de 1998 (há 39 anos),
 
Visitou o mundo da miséria e da abastança em várias viagens,
como um Papa nunca o tinha feito, anteriormente.
 
E pediu ajuda para os mais abandonados!
 
Destacou o trabalho do Solidariedade liderado por lech Walesa (Varsóvia).
 
Pediu a Paz para o mundo em conflito!
 
Teve uma atuação forte na liderança do sofrimento Humano. 
 
De entre os livros que escreveu escolhi "O Evangelho da Vida"
 
Carta Encíclica
 
Evangelium Vitae
 
Do Sumo Pontífice
 
JOÃO PAULO II
 
      Aos Bispos
 
Aos Presbíteros e Diáconos
 
Aos Religiosos e Religiosas
 
Aos Fiéis Leigos
 
E a Todas as Pessoas de Boa Vontade
 
Sobre o Valor e a INVIOLABILIDADE
 
             DA VIDA HUMANA
 
Aqui se encontra as respostas às criticas apontadas a João Paulo II
 
E foi escrito não exclusivamente para os crentes: destina-se a todos.
 
Ela pertence a cada conciência humana que aspira à verdade e vive
 
Atenta e apreensiva pela sorte da humanidade.
 
 
 
Até sempre,
 
Maria luísa
 
 
publicado por M.Luísa Adães às 10:28
link do post | comentar | favorito
|
27 comentários:
De jabeiteslp a 1 de Maio de 2011 às 14:17

tempo conturbado
mas um bom e bem almejado

um rumo de paz encontrado...


como vai a minha querida e apreciada Luisa ?
aqui o tempo
nem assim nem assado
um vai vem de frio e calor desassossegado...

e até faz frio....Feliz Semana a uma bonita
mamã ...
De M.Luísa Adães a 1 de Maio de 2011 às 18:31
João feliz por te encontrar.

Quando me leste, não leste tudo, o texto não
estava acabado.

Quando possível, volta por favor, e acaba de ler o texto já terminado.

Chove por aqui e em Roma também chove.

A última vez que lá estive, ainda o vi à janela durante a missa na Praça de São Pedro e
chovia...


Beijos e obrigada,

Maria Luísa
De jabeiteslp a 1 de Maio de 2011 às 19:33
tudo e gostei

é mesmo assim
num dizer sem fim


feliz noite Luisa
beijinhos
De M.Luísa Adães a 1 de Maio de 2011 às 19:45
E gostaste? Que bom "esse dizer sem fim"

Agradeço as palavras e as flores,

Mª. Luísa
De M.Luísa Adães a 2 de Maio de 2011 às 09:19
Obrigada amigo por gostares e escreveres.

Um abraço e boa semana,

Mª. Luísa
De MIGUXA a 1 de Maio de 2011 às 21:12
Maria Luísa,

João Paulo II foi o Papa que marcou a minha vida, pela sua sabedoria e simplicidade...pelo seu lado lutador a favor dos mais carenciados e sofredores, pelo seu rosto doce...e por que sempre vi nele bondade não consigo esquecer...

Espero estejas bem minha querida amiga
Beijos com carinho
Margarida
De M.Luísa Adães a 2 de Maio de 2011 às 09:27
Miguxa

Antes do final de sua vida, pouco antes,voltei a Roma e
ainda o vi à janela a acompanhar a missa na
praça de São pedro.

Chovia e a Praça, arcadas, recantos, estavam cheios de crentes e descrentes...Ele se tinha
dado a todos!

Há críticas, as conheço, mas indiquei a
Encíclica, onde ele responde às interrogações.

Beijos e obrigada,

Mª. Luísa
De poetaporkedeusker a 2 de Maio de 2011 às 12:15
Grande, grande Homem! Parabéns pelo teu post, Maria Luísa.
Acredito que o teu problema tenha sido passageiro e ainda bem que o foi! Vou tentar visitar a Idalina ainda hoje... sei que ela também estava com um problema qualquer de publicação...
Agora vou publicar no Poeta. Ainda só consegui fazê-lo no Montanhas...
Abraço grande!
De M.Luísa Adães a 2 de Maio de 2011 às 14:28

Obrigada amiga,

Não podia deixar de o fazer, desde que me lembrei aproveitar este blogs para prémios
recebidos , homenagens e factos recentes.
E adoro fazê-lo! Com mais tempo, vou vêr tuas últimas postagens em todos os teus blogs.

Um abraço,

Maria luísa
De poetaporkedeusker a 2 de Maio de 2011 às 14:40
:) Nasceram algumas coisitas, mas foi só para o Poeta e para o Montanhas...
Abraço grande!
De M.Luísa Adães a 2 de Maio de 2011 às 19:11

E por agora é tudo que tens

e é muito...

Eu não tenho nada!

Mª L.
De poetaporkedeusker a 3 de Maio de 2011 às 12:39
:o! Então? Não estás melhor? Olha que não perdes nada em não escrever ao ritmo alucinado com que eu o faço... acabo sempre por descobrir imensos erros nos meus poemas e nunca tenho tempo para fazer as devidas correcções... mas é mais forte do que eu, esta pressa de escrever antes que a vida se me acabe... parece que ando a tentar compensar os anos em que escrevia para a gaveta e acabava por perder quase tudo.
Mas falemos de ti; como estás? A tua coluna está a dar-se bem com a fisioterapia? Eu fiz fisioterapia quando tinha os meus trinta e dois anos e lembro-me que me fez muitíssimo bem... mas, nessa idade, por muito estragadas que as nossas colunas estejam, temos a massa muscular ainda muito jovem a suportá-las e a minimizar as dores e os defeitos posturais... agora é que são elas! A massa muscular está a diminuir e é a desgraça que sabemos... mas eu acho que estou a ficar "vacinada" contra as dores :)) Tenho tantas dores de cabeça que já nem lhes ligo. Só quando se tornam mesmo insuportáveis é que eu me ponho a fazer "queixinhas" e lá fico um pouco mais aliviada... ou nem tanto, mas aguento melhor quando desabafo...
Abraço grande! Está na hora de ir ao CSP para o almoço!
De M.Luísa Adães a 8 de Maio de 2011 às 15:20
Tenho estado ausente de mim, de tudo...
Estou melhor, mas a fisio ainda não terminou,
mas é positivo, embora eu tenha escrito no google "Desesperados"...

Um abraço grande,

Mª. Luísa
De poetaporkedeusker a 9 de Maio de 2011 às 14:43
:) Que bom! É um excelente sinal, conseguires fazer esse balanço positivo em tão curto espaço de tempo! Vou ver o teu "Desesperados"!
Abraço grande!
De M.Luísa Adães a 9 de Maio de 2011 às 16:37
Mas vou amanhã fazer dois exames (meia sedada) ao colon intestino e ao estomago.

Há uns dias, estou com uma dieta incrível e
vou continuar até amanhã. O exame é às 10h
e o meu poema "Desesperados" foi escrito em
desespero!

Desespero! "Desesperados"!

Ajuda-me, mesmo sem isso ser possível, mas
ajuda, através da alma para que chegue ao corpo.
Nada de cientifico, please...

Tenho um frio de morrer!

Maria luísa
De poetaporkedeusker a 9 de Maio de 2011 às 17:01
Eu ajudo quanto puder, isso te garanto! Hoje estás a fazer uma medicação que sabe mal e provoca náuseas... aguenta! É só por uma tarde e depois retomarás a alimentação habitual. Eu costumo pensar assim e vai funcionando... se fizeres o exame com anestesia, não sentirás rigorosamente nada.
Desejo-te a maior das felicidades para esse momento menos bom. Não é nada agradável, mas é um exame que pode evitar que se venham a desenvolver patologias mais graves. Coragem, amiga!
De M.Luísa Adães a 9 de Maio de 2011 às 18:02
Ainda bem que me apareceste.

Além dos 2L de água, bebidos agora,
à noite 21h, tenho de beber mais dois litros de água, junto com um medicamento.

Se tiver fome, só posso comer gelatina de três
espécies.

A noite me apavora. Eu como pouco, não como
carne nem aves e as resistências não são muitas neste organismo.

Ontem senti náuseas e hoje de manhã,
passei-me...
Vou fazer meia-sedada, pois estou farta de anestesias, ao longo da minha vida.

Mas tenho sido uma pessoa protegida por Deus
dentro do possível, nesta vida.

Uma vez, há uns anos, fiz uma biópsia a um
nódulo no peito.
A biópsia deu cancro.
Fui para o IPO e me disseram que tinha de ser operada de urgência, senão perdia o peito.

Chamaram o cirurgião e fui operada através da PT (à qual pertenço) de seguida - sem esperas!

O médico quando acordei disse : a senhora não
pode comer pois o que se retirou é inconclusivo
estamos à espera de confirmação do laboratório e depois, a senhora será operada de novo.
Ele teve a dita, de não tirar os gânglios do braço, sem ter a certeza (fiquei amiga dele para sempre, pela humanidade).

Aguardei e não sei o que senti, nem me lembro do que senti, nos poucos dias de espera
para a operação.

Ao meio-dia ele diz-me, pode comer, o nódulo
é benigno. A operação estava feita!

Também não sei o que senti. A anestesista
veio ao quarto e disse-me:

"Agora faça o favor de ser feliz" (disso me lembro, muito bem).

Houve burburinho no hospital quando se soube e muitos diziam, "deu-se um milagre".

Poucas pessoas souberam disto, mas te estou a contar a ti que não te conheço nem sei quem és!

Um abraço,

Mª. Luísa
De poetaporkedeusker a 10 de Maio de 2011 às 11:53
Que felicidade deves ter sentido nesse momento, Maria Luísa! :)
Olha, tu conheces-me sim! Se tens lido os meus poemas, tens "ferramentas" para me conhecer muito melhor do que muita gente que até me pode ver diariamente e não sabe o que eu sinto. E há as fotografias, no caso de necessitares de me relacionar com uma imagem física. Tenho algumas da infância e da juventude, mas as outras são muito recentes, quase todas tiradas com a webcam do 2008.
Estou a escrever sabendo que não me irás ler tão cedo... é bem provável que já tenhas terminado a tua colonoscopia e estejas no recobro, a descansar e a preparar-te para retomar a normalidade da tua alimentação.
Agora já posso confessar-te que já recusei dois exames como esse... tenho traumas profundíssimos a nível de procedimentos cirúrgicos ou paracirúrgicos... recuso todos os exames invasivos por me lembrarem aquela série de asneiras que foram cometidas durante aquele meu último parto... e não só. A minha mãe acabou por morrer de uma cirurgia abdominal simplicíssima. Houve uma pequena rotura entre os dois segmentos do intestino que uniram durante o procedimento cirúrgico, desencadeou-se uma sepsis e, no meio de toda aquela gente, só eu é que percebi que ela estava a morrer. No dia seguinte entrou ao serviço um médico que percebeu exactamente o mesmo, mas já era tarde. Há demasiados traumas recentes para eu poder confiar. Recentes e mais antigos... sucessivos! Pelo menos enquanto os meus companheiritos de quatro patas forem vivos, quero viver sem ter de arriscar.
Abraço muito, muito grande!
De M.Luísa Adães a 10 de Maio de 2011 às 15:14
Agradeço escreveres!
Já estou em casa e apesar de meia-sedada, foi
muito doloroso.
O deveria ter feito com anestesia. Aliás há uma parte que o médico não teve hipóteses de ver. À tarde vou ao outro médico, mas segundo o
que me disseram, os intestinos e o estomago
estão num desalinho muito grande. Originado, talvez, por histerectomia parcial
há uns anos.
Depois falo mais sobre o assunto.

Um beijo,

Mª. Luísa

De poetaporkedeusker a 10 de Maio de 2011 às 17:52
Descansa, amiga! Eu fiz uma histerectomia total a seguir ao parto em que o menino morreu. Houve ruptura uterina e teve mesmo de ser, tudo numa pressa, tudo numa azáfama para ver se me conseguiam salvar a mim... fica tudo um bocadinho diferente por causa das bridas...
Amanhã falamos! Isto vai encerrar! Beijo e muito repouso!
De M.Luísa Adães a 10 de Maio de 2011 às 19:12
Obrigada amiga.

Estou cansada de lutar...

Um Beijo,

Mª. Luísa
De poetaporkedeusker a 11 de Maio de 2011 às 11:33
Espero que hoje já estejas melhor... estás mesmo, de certeza! Já retomaste a tua alimentação normal e deves estar com fominha :)
Eu, hoje, estou com uma valente dor de cabeça, mas já tomei o Paracetamol e vai passar!
Um enorme abraço!
De M.Luísa Adães a 11 de Maio de 2011 às 18:07
Mª. João

Eu já disse que o exame não deixou ver uma parte do intestino, pois eu não estava anestesiada, aliás a anestesia era a 50% e tinha de ser a 100%.

Os meus intestinos estão enrodilhados e só se pode ver a 100% com anestesia.
Vou para um médico de gastro, saber se o tenho de repetir...

Estou muito aborrecida com todos estes problemas que não sei a que vão conduzir.

Parabéns pelo teu Prémio. Vale a pena não parar e lutar! Partilho tua alegria, mas muito
inquieta com o meu presente e não sei se tenho futuro...

Quando escreveres, escreve para "A Ilha" aqui
nos prémios,

senão João Paulo II apanha tudo

e ele já ganhou a Beatificação.

That´s enough!

Conta o que se vai passar e Deus te ajude para te darem dinheiro pelo que escreves. Mereces!

Um abraço,

Mª. luísa
De jabeiteslp a 8 de Maio de 2011 às 12:14

olá
um belo dia pra ti...

tudo bem por aí ?

beijinhos Luisa
um feliz domingo
De M.Luísa Adães a 8 de Maio de 2011 às 15:31
Olá Jabei

Lindas flores!

Foi bom regressar...

Um abraço,

Mª. Luísa
De jabeiteslp a 9 de Maio de 2011 às 21:41

uma bela noite pra ti Luisa

De M.Luísa Adães a 10 de Maio de 2011 às 15:06
E para ti um belo dia.

Muita saúde para tirares teu curso e aprenderes a conhecer o interior da terra,
da tua, ou qualquer outra terra.

Abraço grande,

Mª. L.

Comentar post

relojes web gratis

Familia Maldonado /Brasão

24. Setembro .2001