Sábado, 23 de Abril de 2011

O Homem

 

 

       Internet/ Salvador Dalí

 

 

 

O Homem é o único ser capaz de duvidar de tudo aquilo em que acreditou,

embora seja o único que tropeça nas mesmas pedras, pois o mais difícil de mudar

é a Consciência.

 

O Homem é a força viva mais poderosa do Universo!

Nenhuma outra força, contaminou o ar, os mares e os rios,

no desmedido afã do poder e da riqueza.

 

Nenhuma outra força, conseguiu empobrecer as fontes de energia da Terra,

explorando-as sem parar, enquanto não descobria outra força capaz de exterminar a primeira.

O império racionalista sobre a matéria ultrapassou os seus últimos limites.

 

O Homem continua a desconhecer os seu limites, o mundo do espírito é um enigma

porque ultrapassa os poderes da razão e porque nos desconhecemos a nós mesmos.

Tem de descobrir temas postos à margem por se desprezar tudo o que se ignora e

ainda tudo quanto não é visivel a nossos olhos.

 

E a ganância do Homem, traz a miséria e é a culpada de todos os pesadelos pelos 

quais estamos passando a todos os níveis.

Neste momento, países se curvam perante o "Mais Forte", numa luta incessante de vencer,

mas tudo se está a traduzir na decadência Maior, no desprezo pelo mais fraco e se procura

tapar as necessidades através dos mais pobres.

 

Apelar a quem?

Ao Homem...se o homem tem a culpa perante os outros homens e nada fazem, para desculpar a culpa.

 

Tornou-se impossível lutar contra o nosso meio Social

 

O Filósofo e Imperador Romano Marco Aurélio disse :

 

"Podes retirar-te

Para dentro de ti próprio

À hora que queiras,

 

Não há refúgio mais  tranquilo

Do que aquele

Que o homem encontra

Na sua própria Alma".

 

Talvez o refúgio dos mais pobres tenha de ser esse...

 

 Maria Luísa

 

                           http://rosamariblanco.blogspot.com

    San Jordi (San Jorge) es el patrón de Cataluña.

 

En el dia de Sant Jordi (23 de Abril) los hombres regalan una flor ala persona que más quieren.

 

Y como amistades nuestras siguiendo esta tradicion de nuestra tierra, 

ésta, es para vosotras, amigas. Rosamari

 

Pruno Terra Bruna Oferta/ Um anito, 29 Abril de 2011

 

 

                          

  http://lagatacoqueta.blogspot.com /       Oferta ao blog http://os7degraus.blogspot.com 25 Abril 2011

publicado por M.Luísa Adães às 11:56
link do post | comentar | favorito
|
42 comentários:
De jabeiteslp a 23 de Abril de 2011 às 15:09
quando te pões assim
nessa tua e muito pessoal
de Apostolar

consegues-me arrepiar...hé hé hé


beijinhos Luisa

mas é verdade
a "selva" não tem
um quê
aquele de equilíbrio
ou respeito próprio....enfim

cuidados com amendoas...
De M.Luísa Adães a 23 de Abril de 2011 às 17:49

Te arrepio no meu apostolar?

A idéia é essa! Reconheço que este artigo devia ir para o Google, mas não vai!

Este é o blogs meu e de amigos muito queridos.
que me procuram sempre, gostam de mim, do que escrevo aqui e ali...e eu amo todos!

Um abraço,

Mª. Luísa
De jabeiteslp a 23 de Abril de 2011 às 22:53
De M.Luísa Adães a 24 de Abril de 2011 às 14:39
El poeta plasma sus palabras con toda libertad
ama profundamente sin nada esperar,

Vive en sus letras y hace
vibrar, a los corazones que buscam amar.

um bejo

Mª. luísa
De jabeiteslp a 24 de Abril de 2011 às 15:38
becito guapa....
De M.Luísa Adães a 24 de Abril de 2011 às 16:48
En el dia de Sant Jordi los hombres regalan
una flor a la persona que más quieren.

Un bejo,

Mª. Luísa
De MC a 23 de Abril de 2011 às 18:05
"Homem"

Está soberbo, real, atual e se destina no seu dizer, a todos nós.

Parabéns,

MC
De M.Luísa Adães a 23 de Abril de 2011 às 20:20
MC

Agradeço e desejo Páscoa feliz.

Mª. Luísa
De lucinda a 23 de Abril de 2011 às 18:09
"Homem" é o afastamento do mundo real ao

mundo ilusório (aquele que se não vê), mas não só o que se vê existe - como tu dizes de
forma plena e bela. Bem enquadrado nesta época!

Boa Páscoa

Lucinda
De M.Luísa Adães a 23 de Abril de 2011 às 20:22
olá, como vai?

Agradeço sua presença e suas palavras.

Bos Páscoa,

Maria luísa
De Anthos a 23 de Abril de 2011 às 20:36
Belo texto, num tempo de meditação por
todos os males do mundo...

Do amigo,

Anthos
De M.Luísa Adães a 24 de Abril de 2011 às 14:29
Um pouco tardio, mas desejo dias felizes.

Obrigada amigo,

Mª. Luísa
De Rosamari a 24 de Abril de 2011 às 19:48
el hombre, el humano, es el ser más imperfecto de la tierra, capaz de caer, 2 y 3 y 4 veces en el mismo error, e incapaz de hacer algo por mejor el mundo,
muy bueno tu escrito, y muy acertado
un fuerte abrazo mi querida amiga
De M.Luísa Adães a 25 de Abril de 2011 às 09:16
Gracias mi querida amiga!

Abrazo furte.

Mi casa es tu casa!

Maria luísa
De Caminhante a 25 de Abril de 2011 às 10:34
Belo, atual, terno, poético...

Essa verdade tão grande e triste a que chamaste "O Homem".

Feliz por te encontrar
E tanto tempo passou no meu caminhar!

Caminhante
De M.Luísa Adães a 25 de Abril de 2011 às 11:06

Obrigada pela presença e pela ternura.

Mª. Luísa
De Ana Martins a 26 de Abril de 2011 às 00:22
Boa noite amiga Luísa,
Arrepiou-me a mim também, pertinente e digno de profunda reflexão o que aqui escreve.

Beijinho,
Ana Martins
De M.Luísa Adães a 26 de Abril de 2011 às 11:49
Ana

Grata pela tua presença e por gostares do
"Homem"...

É profundo, verdadeiro e atual, esta é minha opinião (mas eu o escrevi).

Gosto de escrever prosa, recebo muitos visitantes (não escrevo aqui há muito tempo)

e tenho amigos que pertencem ao sapo e me
comentam e já tenho alguns do google.

Um Abraço e obrigada,

Maria Luísa
De poetaporkedeusker a 26 de Abril de 2011 às 17:07
Se esta blogosfera não tivesse estado, desde sempre, tão cheia de coincidências, ficaria pasmada. O soneto que trago e que espero conseguir publicar ainda hoje tem tudo a ver com este teu post! Nem digo mais. Vou já publicá-lo!
Abraço grande, grande!
De M.Luísa Adães a 26 de Abril de 2011 às 18:32
Talvez estejamos, muitas vezes, em Sintonia.

Acredito que sim!

Um abraço,

Mª. Luísa
De poetaporkedeusker a 27 de Abril de 2011 às 11:31
Eu tenho a certeza... embora não tenha muitas. ..
Eu volto ainda hoje!
De M.Luísa Adães a 27 de Abril de 2011 às 12:08
Eu acredito que sim - mas eu sou voltada para
o lado do mistério!...

Sou crente por natureza, mas neste lado, tenho génese de família muito chegada a mim

Daí as minhas certezas, nas incertezas dos outros.

Mª. Luísa
De jabeiteslp a 26 de Abril de 2011 às 21:20
a beleza dos sons
cores e todos os tons...

joca dos calhaus
e uma bela e feliz noite
De M.Luísa Adães a 27 de Abril de 2011 às 11:02
Joca recebi teu comments no poema :

"Testemunho" (google/ 7 degraus) e gostei da forma como escreves.

Agora te encontro no Prémios, no texto de
prosa-poética, "Homem".

E gostei "dos sons e das cores de todos os tons"

Um beijo e obrigada pela tua presença e tuas
palavras.

Maria luísa
De MIGUXA a 27 de Abril de 2011 às 02:08
Amiga Maria Luísa,

É bom ler-te, fazes-me bem...

È pena que tão grande força do universo se transforme na mais frágil das aventuras...

Beijo com carinho
Margarida
De M.Luísa Adães a 27 de Abril de 2011 às 11:10

É de lamentar que a maior força do Universo
se despenhe e por sua culpa, não assuma a culpa!

Estive no teu "Lamento" e nas minhas palavras, em qualquer parte, encontras o que
anseias...
Basta lêr, visionar, sentir e ser paciente...

Com ternura,

"mi casa es tu casa..."

Maria Luísa

Comentar post

relojes web gratis

Familia Maldonado /Brasão

24. Setembro .2001